Foto EOL
PUB

Celebra-se hoje, dia 27 de setembro, o Dia Europeu do Desporto na Escola. A par disto, são várias as atividades, desenvolvidas pelo grupo de educação física, que decorreram na Escola Secundária do Entroncamento e, paralelamente, na escola Dr. Ruy de Andrade.

Entre atividades no ginásio e nos campos de jogos, houve também uma palestra – no auditório do pavilhão A da escola secundária, que contou com a presença de árbitros, técnicos e colaboradores do Núcleo de Árbitros de Futebol do Ribatejo Norte, que consistiu “na sensibilização para a arbitragem. Uma tentativa de sensibilizar os nossos jovens para aquilo que são as condutas e as perceções que temos que ter sobre a arbitragem, bem como as regras que estão relacionadas com o próprio jogo”, disse-nos Paulo Lopes, subdiretor do agrupamento, em conversa com o EOL.

O desporto escolar, ao abrigo do artigo 54, visa também a inclusão dos alunos, relevou ainda Paulo Lopes. A iniciativa irá funcionar na Escola Secundária e na Escola Dr. Ruy de Andrade, com a professora Olga Santos, contando com modalidades coletivas (futebol) e modalidades individuais (ténis, ténis de mesa, entre tantos outros), tendo como objetivo “desenvolver cada vez mais o desporto escolar no agrupamento”, acrescentou o subdiretor do mesmo.

Todas estas atividades são de carater gratuito, dinamizadas por professores com grande competência na área.

A iniciativa, que decorreu hoje nas duas escolas, está diretamente articulada com outras entidades: Núcleo de Árbitros de Futebol do Ribatejo do Norte e a APAF.

É importante reforçar que o dia do desporto integrou também a área da saúde, contando com a colaboração de três enfermeiras do Projeto de “Educação para a Saúde” e com o 3.º ano do curso Técnico de Auxiliar de Saúde. “O objetivo é fazermos um registo de dados para se fazer um tratamento estatístico para percebermos qual a saúde dos nossos alunos, funcionários, professores ou qualquer pessoa que queira participar”, explicou Susana Senra.

Lúcia Veríssimo

PUB