Foto: DR

Numa mensagem que fez chegar à organização, José Couceiro ressalva a importância do torneio enquanto palco privilegiado para os jovens talentos colocarem em prática outros valores para além do fator competição: “Os campeões fazem-se com vitórias. Mas nunca um jovem pode crescer sem respeito pelos adversários”. Couceiro enaltece a iniciativa anual da Câmara de Abrantes por “não abdicar da sua responsabilidade social e educacional”.

Na mensagem de boas vindas às comitivas, o Presidente da Câmara de Abrantes afirma a dimensão social do desporto, em geral, e do futebol em particular. Manuel Jorge Valamatos convida todos os jovens atletas a serem “exemplo da consequência do trabalho duro, da perseverança, da disciplina, do desportivismo e do trabalho em equipa, essenciais no futebol”.

Na disputa pelo troféu vão estar as seguintes formações: Real Club Celta de Vigo; Futebol Clube do Porto; Sport Lisboa e Benfica; Sporting Clube de Portugal; Boavista Futebol Clube e uma Seleção Concelhia com atletas de equipas de clubes locais.

A organização daquela que é já a 13ª edição deste torneio, considerado uma referência nacional no futebol de formação, é da Câmara Municipal de Abrantes, com o apoio da Federação Portuguesa de Futebol e da Associação de Futebol de Santarém. Os árbitros integram os quadros de diversos campeonatos distritais e nacionais.

A Câmara Municipal garante a todas as equipas participantes o alojamento, transporte e refeições durante a realização do evento.

Os jogos vão realizar-se no campo nº 1 (relvado natural) da Cidade Desportiva e nos campos de relvado sintético do concelho: CUF, em Alferrarede; Pego e Comendador Eduardo Duarte Ferreira, em Tramagal, todos com entrada livre.

O jogo inaugural está marcado para hoje, dia 16 de agosto, pelas 18h30, no campo nº 1 da Cidade Desportiva, com a equipa da casa e a equipa vencedora do troféu 2018, o FCP.

A finalíssima está marcada para o mesmo palco, no domingo, dia 16, a partir das 11h15.

Fernanda Mendes

Calendário dos jogos