Na segunda-feira, a Câmara Municipal de Constância entregou os primeiros cartões do programa abem: Rede Solidária do Medicamento, uma medida que nesta fase vai contemplar 18 pessoas das três freguesias do concelho.
 
Recorde-se que o Município de Constância e a Associação Dignitude, assinaram, no passado dia 27 de fevereiro, o protocolo com vista à operacionalização do programa abem: Rede Solidária do Medicamento.
 
O Programa abem: Rede Solidária do Medicamento tem por objetivo garantir o acesso ao medicamento em ambulatório por parte de qualquer cidadão que, em Portugal, se encontre numa situação de carência económica que o impossibilite de adquirir os medicamentos comparticipados que lhe sejam prescritos por receita médica.
 
O abem: Rede Solidária do Medicamento tem como destinatários, em geral, os indivíduos beneficiários de prestações sociais de solidariedade mas igualmente todos os que se deparem com uma situação inesperada de carência económica decorrente de desemprego involuntário ou de doença incapacitante, entre outras situações de carência.
 
São potenciais beneficiários deste apoio, todos os agregados familiares cuja capitação seja inferior a 50% do Indexante dos Apoios Sociais (IAS), mais concretamente, 210,66 €.
 
O município de Constância irá financiar anualmente em 100 € a comparticipação solidária abem, por cada beneficiário identificado, sendo que os restantes montantes ficarão a cargo do Fundo Solidário abem.